Área Pública
» Ter. 12 de Dez. de 2017


Página Inicial


Comissão Pedagógica
Escolas Associadas e Entidades Parceiras
Estutura do Centro
Formulários
Inquéritos
Publicações e Recursos
Legislação
Centros de Formação
Contactos do Nova Ágora

Atividades

FAQ do Nova Ágora

Ação de Formação
 

Curso de Formao - PERCURSO(S) NAS CINCIAS DA EDUCAO: 1. CICLO DE CONFERNCIAS




Todas as informaes disponveis AQUI

Inscreva-se AQUI

Palcio Sacadura Botte - Coimbra

Incio a 18 de novembro de 2017


 


AO DE CURTA DURAO - A aprendizagem das clulas: biologia reprodutiva e clulas estaminais




Todas as informaes disponveis AQUI

Inscreva-se AQUI at s 12h00 do dia 16 Nov. 2017

Centro de Neurocincias e Biologia Celular, Universidade de Coimbra

20 e 22 de Novembro, das 18h s 20h


 


Ao de curta durao - MANUEL ANTNIO PINA Pensar de Pernas para o Ar




Todas as informaes disponveis AQUI

Inscreva-se AQUI

Coimbra

11 e 18 de novembro de 2017


 


PLANO DE FORMAO DO NOVA GORA - CFAE 2016-2019






Consulte o pdf



 

 
CH21-1 - Mais Linguagem, Melhor Literacia Promoo da Literacia Emergente em contexto pr-escolar

Nº ACREDITAÇÃO: 89809/17

Formadores
 



 
Local de Realização
  Escola Secundria da Lous
 
N.º de Horas

   Presenciais:
 Não Presenciais:18
 
Calendarização
  novembro: 14 e 28; dezembro: 7; janeiro: 8 e 22; fevereiro: 5; sempre das 18h s 21h
 
Modalidade
  Oficina de Formao
 
Destinatários/Público Alvo
  PESSOAL DOCENTE: Educadores de Infncia e Professores do 1 ciclo
 
Objetivos
  Disponibilizar informao atualizada e suportada por evidncia cientfica sobre estratgias promotoras do desenvolvimento da linguagem e do sucesso na aprendizagem da literacia;
Promover a auto-reflexo sobre prticas adotadas no mbito da promoo do desenvolvimento da linguagem e introduo da literacia em contexto pr-escolar;
Analisar criticamente o modelo de Literacia Emergente Inside-Out/Outside-In, bem como outros pressupostos tericos, para repensar prticas pedaggicas do quotidiano;
Discutir prticas e sugerir estratgias de estimulao ao nvel de: (1) conversao e pragmtica comunicativa; (2) vocabulrio recetivo e expressivo, (3) estrutura morfossintctica do discurso verbal oral, (4) compreenso de narrativas e de linguagem complexa, (5) conhecimento do alfabeto, (6) desenvolvimento de conceitos de escrita, (7) recurso linguagem como ferramenta para pensar e aprender e (8) competncias metafonolgicas;
Implementar as estratgias exploradas em contexto de sala de jardim-de-infncia ou interveno precoce com crianas e famlias;
Analisar, em grande grupo, a implementao das estratgias exploradas pelo prprio em atividades registadas em vdeo;
Participar, em pequeno grupo, na anlise e discusso de vdeos, materiais e literatura fornecida;
Elaborar planos de ao para transferncia das aprendizagens para o contexto da prtica profissional diria;
Reportar ao grupo o grau de sucesso auto-avaliado na implementao de novas prticas.
Favorecer a preparao, de forma colaborativa, de atividades e recursos educativos de acordo com os contedos programticos, os interesses e as especificidades dos seus alunos;
Estimular a partilha de ideias e opinies durante a anlise e conceo de atividades e recursos educativos;
Operacionalizar o trabalho colaborativo entre docentes como estratgia privilegiada para minorar alguns dos problemas identificados nos planos estratgicos elaborados pelas escolas associadas do CFAE, no mbito do programa de Promoo do Sucesso Escolar.
 
Conteúdos
  1 Sesso Presencial (3 horas)
Apresentao dos participantes, apresentao dos objetivos da ao, calendarizao, exposio da metodologia de trabalho e avaliao, anlise de vdeos do formador.
Tema 1: Recurso a literatura infantojuvenil para promover o desenvolvimento da linguagem e o sucesso na literacia; Literacia emergente; Ler para as crianas ou Ler com as crianas; Tornar a leitura de livros em dilogos interativos e estimulantes.
Sesso No Presencial (3 horas)
Seleo de materiais e preparao de atividade de conto/reconto de histria em modalidade interativa: Ler COM as crianas e no PARA as crianas;
Implementao e registo de uma atividade com o grupo de crianas-alvo.
2 Sesso Presencial (3 horas)
Anlise e discusso das atividades realizadas em trabalho autnomo.
Tema 2: Explorao de novo vocabulrio nas histrias e em atividades do dia-a-dia; Promoo da compreenso de narrativas e de linguagem oral complexa.
Sesso No Presencial (3 horas)
Seleo de materiais e preparao de atividade de explorao de vocabulrio: Contar histrias, percorrendo os trs nveis de vocabulrio;
Implementao e registo de uma atividade com o grupo de crianas-alvo.
3 Sesso Presencial (3 horas)
Anlise e discusso das atividades realizadas em trabalho autnomo.
Tema 3: Promoo da compreenso de narrativas e de linguagem oral complexa; Utilizao da linguagem como ferramenta para pensar e aprender.
Sesso No Presencial (3 horas)
Seleo de materiais e preparao de atividade de compreenso/criao de narrativas: De que se faz uma histria? De personagens, cenrios, problemas, aes e resoluo;
Implementao e registo de uma atividade com o grupo de crianas-alvo.
4 Sesso Presencial (3 horas)
Anlise e discusso das atividades realizadas em trabalho autnomo.
Tema 4: Utilizao da linguagem como ferramenta para pensar e aprender, promover o desenvolvimento de conceitos de escrita, favorecer o conhecimento do alfabeto.
Sesso No Presencial (3 horas)
Seleo de materiais e preparao de atividade de explorao e inferncias com histrias: Utilizar a linguagem para pensar e aprender!.
Implementao e registo de uma atividade com o grupo de crianas-alvo.
5 Sesso Presencial (3 horas)
Anlise e discusso das atividades realizadas em trabalho autnomo.
Tema 5: Promover sensibilidade fonolgica; Desenvolver o princpio alfabtico; Praticar competncias de reflexo metafonolgica.
Sesso No Presencial (3 horas)
Seleo de materiais e preparao de atividade de reflexo metafonolgica: Sons, letras e a sua relao.
Implementao e registo de uma atividade com o grupo de crianas-alvo.
6 Sesso Presencial (3 horas)
Anlise e discusso das atividades realizadas em trabalho autnomo.
Resumo e reflexo final.
Plano de ao para transferncia de aprendizagens.
Sesso No Presencial (3 horas)
Seleo de materiais e preparao de atividade de integrao de todas as estratgias exploradas: Aprender a Ler, para Ler para Aprender.
Implementao e registo de uma atividade com o grupo de crianas-alvo.
 
Metodologia
  A ao de formao terico-prtica, perfazendo um total de 36 horas. Integra 18 horas de trabalho presencial (apresentaes temticas, explorao de materiais e anlise de vdeos pelos formandos) e 18 horas de trabalho autnomo (seleo de materiais, definio de estratgias, planeamento, implementao e registo videogrfico das atividades.
Nas sesses presenciais conjuntas, explorar-se-o temas especficos relacionados com a temtica da Literacia Emergente e sua importncia em contexto de ensino pr-escolar. Explorar-se-o materiais, analisar-se-o exemplos de boas prticas, e sero apresentados exemplos de atividades para implementao das estratgias a aprender e transferir. Criar-se-o oportunidades para o debate e reflexo em pequeno e grande grupo e, a partir da segunda sesso presencial, sero analisados vdeos de atividades de estimulao preparados pelos formandos.
As sesses de trabalho autnomo sero dedicadas aplicao no terreno, em contexto de trabalho colaborativo, dos conhecimentos e competncias trabalhadas nas sesses presenciais. O trabalho autnomo materializar-se- atravs da seleo de materiais apropriados ao grupo-alvo e objetivos a trabalhar, planeamento e implementao de atividades de estimulao de competncias de literacia emergente e preparao de vdeos para anlise nas sesses presenciais seguintes.
No final da ao, cada formando dever preparar um vdeo final para avaliao, acompanhado de uma reflexo individual sobre os contedos, dinmicas e impactos da ao.
 
Creditação
  * A formao acreditada pelo CCPFC para os efeitos previstos no ECD contabilizada em nmero de horas. No caso desta Ao, contabiliza 36 horas.
 
Observações
  Esta Ao articula-se com os PAE dos agrupamentos e escolas associadas dos CFAE Nova gora.

PERODO DE INSCRIO: 30 de outubro a 8 de novembro de 2017
PRIORIDADES DE SELEO: 1. professores dos agrupamentos e escolas associadas dos CFAE Nova gora, de acordo com lista a validar pelo(a) Diretor(a); 2. Outro docentes, por ordem de inscrio.

OUTRAS OBSERVAES:
1 - N. mximo de formandos a selecionar: 20 (a distribuir proporcionalmente pelas escolas associadas);
2 - S sero consideradas vlidas as inscries no mbito das prioridades de seleo definidas (consultar PRIORIDADES DE SELEO);
3 - A inscrio on line uma pr-inscrio a qual s validada com a confirmao dos dados nos servios administrativos da escola do docente/no docente e com a aceitao da ficha de inscrio pelo CFAE.
4 - Deve verificar a sua seleo, no prazo indicado, na pgina do CFAE. Os inscritos no selecionados no sero contactados.
5 - Em caso de nmero insuficiente de inscries, o CFAE reserva-se o direito de cancelar a formao; nas aes previstas nos PAE dos agrupamentos e escolas associadas dos CFAE Nova gora, no caso de no se reunirem 75% de inscries de docentes destes estabelecimentos, a Ao ser suspensa para reformulao.
6 - A calendarizao pode vir a sofrer alteraes;
7 - A inscrio na formao pressupe a aceitao de que, para efeitos dos procedimentos relacionados com a formao, ser prioritariamente notificado(a) atravs de correio eletrnico.
 
Avaliação
  Os formandos sero avaliados nos termos do Despacho n. 4595/2015, de 6 de maio, e da Carta Circular CCPFC 3/2007, com base numa avaliao contnua com base nos indicadores abaixo apresentados e respetiva ponderao:

Participao - interesse e empenho (30%)
Atividades desenvolvidas em contexto e produo e seleo de 1 atividade final registada em vdeo de 3 minutos (30%)
Relatrio das atividades desenvolvidas em trabalho presencial e em trabalho autnomo, acompanhado de reflexo individual sobre o impacto da formao na prtica docente (40%)

Considera-se desistente o formando que no cumpra o regime de assiduidade obrigatria (2/3 do n de horas de durao da ao), no devendo por isso ser avaliado quantitativamente.
 
Avançar